Malas prontas: O charme de St Tropez

24 novembro, 2015

Muito feliz em contar essa novidade para vocês. Uma super amiga de infância, que mora em LONDRES (sim! Invejei.. haha) irá começar a escrever aqui. A Sá, também conhecida por Samantha Coltro, vai dar as preciosas dicas no ‘Malas Prontas’. Como ela mora fora, fica muito mais fácil de visitar outros países, né? Enfim.. Já estou querendo viajar para St Tropez por causa dessas dicas. Espero que gostem 🙂 Beijos Manu

O verão europeu tem a sua magia! É a combinação perfeita de praias paradisíacas, céu azul até anoitecer, gente bonita e uma infinidade de dicas e tendências – tudo claro regado a boa comida e drinks para ninguém colocar defeito – a combinação perfeita para recarregar as energias, se divertir, e claro, pegar um bronzeado de dar inveja! St Tropez não seria diferente – o refúgio das celebridades, e dos amantes de mar, é passagem obrigatória pelo ”verão europeu’’.

 

Parte da famosa ‘’Côte d’Azur”, ou Riviera Francesa, a península de St. Tropez oferece hotéis e restaurantes fabulosos – que servem em sua maioria a saborosa culinária provençal. A área é também conhecida como a capital das compras – lojas abertas todos os dias, onde você vai encontrar desde Chanel (normalmente com peças exclusivas) a incríveis estilistas e artesãos locais. Sem contar o desfile de barcos e iates, que é um show à parte.

Como chegar em St Tropez?

A cote d’Azur é o local ideal para alugar um carro e se perder entre as cidadezinhas – é a melhor, e mais divertida forma de conhecer todos as maravilhas dessa região. St. Tropez está a 112k do aeroporto de Nice, mais ou menos 2 horas de carro sem grandes paradas. O caminho é super fácil, e bem sinalizado, além de contar com o visual ‘’beira mar’’ de tirar o fôlego. Se a fome apertar, fazer um ‘’pit stop’’ em Cannes só vai tornar a viagem ainda mais incrível!

 

Onde se hospedar?

A primeira escolha, é se você quer um hotel ‘’frente ao mar’’ ou prefere uma opção no centrinho – as duas opções oferecem hotéis e pousadas super bacanas, para todos os gostos. Prepara-se: St Tropez não é com certeza a opção mais econômica quando o assunto é hospedagem!

A minha escolha foi um hotel fora do centrinho e bastante moderno para o ‘’ estilo de hotelaria’’ da região. O Sezz St. Tropez é um hotel 5*, inaugurado recentemente, com poucos quartos, atendimento impecável, e uma piscina digna para passar o dia se refrescando –  por não estar no ‘’buchicho’’ tem uma atmosfera mais tranquila, e perfeita para quem quer relaxar.
Os hotéis 5 estrelas oferecem em sua maioria, serviço de transfer (das 9h às 24h), o que torna a ida e vinda ao centrinho super simples.

 

Algumas outras opções de hotéis:

Hotel Byblos St. Tropez: super tradicional, fica no centrinho.

La reserve Ramatuelle: mais afastado do centrinho, é um verdadeiro refúgio de luxo, super exclusivo.

 

E as praias?

St Tropez conta com inúmeros Beach Clubs quase todos localizados na praia de ‘’Pampelonne’’, Você pode alugar uma cadeira e passar o dia todo na praia, ou apenas ir para almoçar, e curtir o ambiente. Existem opções para todos os gostos, desde os mais badalados e com música super alta, aos Clubs mais tranquilos e reservados.
Independente da sua escolha (e eu aconselho a testar mais de uma opção) a satisfação é promessa garantida. Além do visual das praias turquesas, os beach clubs contam com serviço impecável, e culinária refinada – desde sushi, frutos do mar, pasta, saladas, à hambúrguer para aqueles que não dispensam um ‘’junk food’’ mesmo no calor de 40C!!!

 

Alguns opções de Beach Clubs, que valem a visita:
Thaiti: excelente comida, e ambiente mais calmo.
Club 55 – um dos mais famosos, vários filmes com Brigitte Bardot foram gravados ali – reserve com meses de antecedência se a intenção for ter uma cadeira de praia, e passar o dia por lá!
Bagatelle Beach – Famoso pelas unidades em US e St. Barth, tem sofás e cadeiras super confortáveis. Os DJ’s tocam todas as tardes e a cozinha é comandado pelo premiado chef francês Cristian Farenasso.

 

Para chegar aos beach clubs, você pode dirigir (fácil de chegar e estacionar), ou optar pelo transfer que os hotéis oferecem – nessa opção você não terá que se preocupar com nada – O ponto negativo é ter horário para voltar, por isso, a minha dica seria ir com seu próprio carro, assim você comanda o dia sem ‘’ hora marcada’’.

 

Os restaurantes…

Além de todos os beach clubs (que são uma excelente pedida para os almoços), o centrinho tem opções super legais para tomar um drink e jantar olhando o mar! Nas estreitas e hiper charmosas ruazinhas você vai encontrar também cafés e bistrôs locais.

 

Alguns dos meus preferidos:

  • L’ Escale: no porto de St. Tropez, ambiente todo branco e bege, com frutos do mar deliciosos
  •  Rivea: Assinado por Allain Ducesse, ótima pedida para o jantar
  •  Auberge des Maures: Plantas por todos os lados deixam o ambiente super ‘’zen’’, e os pratos oferecem o melhor da colunaria local.
  • Amorino: no porto de St. Tropez, um dos melhores Gelatos da vida – a visita é obrigatória
  • Crepe: no centrinho, não deixe de provar um Crepe! Salgada ou doce, são uma delícia.

 

Qual a melhor época para visitar St. Tropez?

De Julho a Setembro, é o que chamamos de ‘’high season’’, ou alta temporada, nesse período os dias quentes (acima de 30C e poucas chances de chuva) são praticamente garantidos.
Nos meses antecedentes como Maio e Junho, as temperaturas ficam em torno de 20C a 25C, sem ainda tantos turistas, o que e uma delícia. No mês de Outubro os principais restaurantes, hotéis e lojas fecham para a ‘’ temporada de inverno’’.

 

Quantos dias de viagem são necessários? 

Tudo depende de qual a intenção da viagem! Se for apenas conhecer St Tropez, 3 a 4 noites é o ideal, menos que isso você vai se arrepender (e mais que isso você vai se apaixonar ainda mais).
Se a intenção for conhecer a Riviera Francesa, e esticar a viagem até Cannes, Mônaco (o que eu super aconselho) 7 a 8 noites é o ideal.

 

É só escolher a data, fazer as malas e se preparar para dias incríveis!

 

 

Comente no Facebook

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *